Skip to content

Episódio 36: Lucas Azevedo

Há um mês, Lucas Azevedo viu fechar o Praia no Parque, restaurante em Lisboa onde servia uma mesa para 12 comensais. Três semanas depois, criou um serviço de Comida Japonesa de Casa Para Casa. É mais um cozinheiro a resistir e a negar-se a ficar parado em tempo de quarentena.

Atualize as subscrições do ASSIM ASSADO através destes links diretos: Spotify | Apple Podcasts

Lucas Azevedo nasceu no Brasil, está em Portugal desde 2001, e é um dos grandes especialistas que há por cá em gastronomia nipónica. Trabalhou com Ricardo Komori no Bonsai, o mais antigo restaurante japonês de Lisboa, e chefiou esta cozinha durante três anos. Mas também sentiu a necessidade de ir aprender, in situ, como respeitar os saberes e os sabores, e por isso passou algumas temporadas no Japão.

A última delas foi em 2018, e, no seu regresso, abriu com Vítor Adão, um pop-up chamado Izakaya Tokkuri onde pôde testar uma série de conhecimentos adquiridos, quer no lado técnico, quer numa componente de aprendizagem mais pessoal.

Comida Japonesa de Casa Para Casa

Mais recentemente, Lucas Azevedo passou pelo projeto Harmonia, feito em conjunto com o SakeMico, para depois se juntar ao Praia no Parque, no topo do Parque Eduardo VII, em Lisboa. Era nessa cozinha, com uma mesa para 12 comensais, que Lucas estava a trabalhar quando viu a sua atividade ser posta em suspenso devido à pandemia Covid-19.

Após alguns dias sem saber bem o que fazer, e com o frigorífico de casa cheio de produtos, Lucas voltou a fazer aquilo que sabe melhor: cozinhar. Desafiado por alguns amigos e fãs nas redes sociais – sobretudo no Instagram – Lucas montou uma operação caseira de Comida Japonesa de Casa Para Casa. Um nome que diz tudo sobre esta iniciativa do chefe nascido em Cabo Frio (Rio de Janeiro) há 35 anos.

O processo é relativamente simples: com a ajuda do Pigmeu (onde as encomendas podem ser levantadas) e da cozinha de Miguel Peres, Lucas Azevedo prepara semanalmente um prato inspirado na cozinha nipónica que pode ser finalizado e empratado em casa, com toda a segurança.

Uma iniciativa inspiradora, que mostra bem a tenacidade e a vontade de Lucas Azevedo em manter-se no ativo, de praticar o seu kodawari: uma dedicação permanente à sua arte e ao prazer que tem em partilhar a sua paixão.

Para mais informações sobre como contactar o Lucas Azevedo, é favor segui-lo na sua página de Instagram, onde podem votar, semanalmente, no prato que querem ver ser composto.

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *