Skip to content

Episódio 22: Tomás Pires

Tomás Pires é o chefe do restaurante Meat Me, no Chiado, em Lisboa. Uma conversa para conhecer a sua história, para perceber como é que é trabalhar como aquela que dizem ser a melhor carne do mundo… e, já agora, como cozinhá-la.

Chegamos cedo ao Chiado, ao Largo do Picadeiro, onde, em março, abriu, o Meat Me, o novo restaurante do grupo Seame Group. Tomás Pires, chefe de 32 anos, foi o escolhido para liderar a cozinha deste espaço ligado, sobretudo, às carnes.

O Meat Me é um assador moderno que trabalha com as carnes de José Gordon, o dono e responsável pelo restaurante El Capricho, em León – no Norte de Espanha – que tem aquelas que são consideradas por muitos as melhores carnes do mundo.

Aprender com os melhores

Tomás Pires começou a trabalhar em cozinhas há mais de uma década, Foram oito anos ao lado do chefe Aimé Barroyer em cozinhas como as do Pestana Palace, The Oitavos, Tavares Rico e Grupo Olivier, bem como duas experiências no Brasil.

A aprendizagem continua no Meat Me: José Gordon, o fornecedor das carnes, exigiu que Tomás estivesse no El Capricho a perceber como deve trabalhar o produto. É mais uma experiência que ficamos a conhecer nesta conversa que tivemos, poucas semanas depois da inauguração oficial do restaurante.

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *